Resenha: Formação de professores da educação infantil para um cuidar e educar humanizadores

  • Priscila da Silva Rocha Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)
  • Amanda Valiengo Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)
Palavras-chave: formação de professores, educação infantil, cuidar, educar

Resumo

O presente texto é uma resenha do livro Educação de bebês: cuidar e educar para o desenvolvimento humano. A obra apresenta nos nove capítulos iniciais, um diálogo entre a Teoria Histórico-Cultural (THC), o desenvolvimento humano e a formação de professores no contexto da creche. A obra possui dez capítulos de autoria dos organizadores e dos discentes do Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Filosofia e Ciências da UNESP do campus Marília que participaram em 2016 da disciplina “Implicações Pedagógicas da Teoria Histórico-Cultural e a Educação dos bebês”. Os nove primeiros capítulos compõem a primeira parte do livro intitulada Perspectiva histórico-cultural no cuidado e educação dos bebês. Somente o último capítulo compreende a segunda parte intitulada Um outro olhar, com um capítulo que trata sobre o desenvolvimento infantil em uma perspectiva Reichiana. Nóvoa (1995, p. 25) destaca que “A formação não se constrói por acumulação (de cursos, de conhecimentos ou de técnicas), mas sim por meio de um trabalho de reflexividade crítica sobre as práticas e de (re)construção permanente de uma identidade pessoal”. Sendo assim, esse livro contribui para a reflexão e a ação da prática docente, tendo como foco a formação de professores da creche. No prefácio, Paulo Sérgio Fochi afirma que a Educação Infantil, mais especificamente os temas relativos aos cuidados e à educação de bebês são negligenciados na formação inicial. Sendo assim, essa obra contribui para o campo acadêmico e profissional, pois discute uma temática necessária a prática pedagógica. 

Referências

NÓVOA, António. Formação de professores e profissão docente. In: NÓVOA, António (Org.). Os professores e a sua formação. Lisboa: Nova Enciclopédia, Publicações Dom Quixote, 1995.

MARTINEZ, Andréia Pereira de Araújo. O lugar da professora e do professor em uma proposta pedagógica promotora de desenvolvimento. In: COSTA, S. A.; MELLO, S. A. (Org.). Teoria histórico-cultural na educação infantil: conversando com professoras e professores. Curitiba: Editora: CRV, 2017.

VIGOTSKI, Lev Semenovich. A construção do pensamento e da linguagem. 2. ed. Tradução: Paulo Bezerra. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

Publicado
2019-11-27