De quantas formas posso contar uma mesma história? (Ou a experiência de criar um canal no Youtube)

  • Marcia Strazzacappa Hernandez Unicamp

Resumo

O presente ensaio apresenta a trajetória e analisa os resultados da criação do canal “Histórias para criança” no YouTube, fruto de uma pesquisa temática artística sobre contação de histórias intitulada “Era uma vez uma história contada outra vez: educação, memória, imaginação e criação”. Identificou-se que os contos clássicos universais como “Os três porquinhos” de Joseph Jacobs e “Chapeuzinho Vermelho” escrito pelo francês Charles Perrault e divulgado pelos Irmãos Grimm, continuam sendo os mais procurados e assistidos pelas crianças. Diante desta constatação, buscou-se encontrar outras formas de se contar a mesma história, explorando materiais como objetos, tecidos, percussão corporal, lançando mão de recursos oriundos da dança, do teatro e do trabalho com clown. A abertura do canal e seu uso dentro da formação inicial e continuada de professores de educação infantil tem colaborado para a ampliação do repertório destes profissionais e para a desmistificação do uso das tecnologias em sala de aula.

Publicado
2018-05-05