Professores de dança: entre saberes e fazeres

  • Cecilia Silvano Batalha
  • Giseli Barreto da Cruz

Resumo

Trata-se de um relato de pesquisa, desenvolvida no período de 2014 a 2016, denominada “Ensino de Dança na escola: concepções e práticas na visão de professores”. O estudo buscou compreender como professores com formação superior em Dança (bacharel ou licenciado), que atuaram ou estão atuando na educação básica pública, concebem o ensino de Dança e, além disso, o que fazem (se fazem) a favor da sua inserção no currículo escolar. Neste trabalho são apresentados os resultados desta pesquisa, no que se refere ao que faz o professor de Dança em suas aulas, quais metodologias e estratégias de ensino alicerçam suas práticas, de que maneira suas proposições contribuem para que o ensino de Dança se estabeleça no currículo da educação básica. O referencial teórico contempla três chaves analíticas: i- Didática e Formação de Professores, com base em Cochran-Smith e Lytle (1999), Gauthier (2006) e Schön (2000); ii- currículo multicultural, com base em Ivenicki (2012; 2014); iii- ensino de Dança na escola, com base em Marques (2010; 2011) e Strazzacappa (2010; 2012). Metodologicamente, operou-se com entrevista semiestruturada. As entrevistas foram realizadas com oito professores de Dança de cinco diferentes Redes públicas de ensino do Estado do Rio de Janeiro, e uma pesquisadora da área. Os resultados desta pesquisa indicam que as concepções, metodologias e estratégias utilizadas pelos professores de Dança são plurais.

Publicado
2017-11-29
Seção
Artigos de pesquisa